-

Loading...

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Cipó de São João, uma flor que se destaca às margens da Br 265 em Ilicinea

      Às margens da Br 265 na extensão entre os municípios de Ilicinea e Boa Esperança no Sul de Minas, em pleno inverno uma planta vistosa de pequenas flores alongadas e alaranjadas se destaca na paisagem despertando a atenção de quem passa pela rodovia fazendo lembrar o por do sol. A flor é conhecida na região como Cipó de São João, uma trepadeira muito utilizada na decoração das festividades de São João em todo o Brasil. Embora seja planta medicinal, também é considerada erva invasora no campo e ainda pode causar problemas caso seja ingerida pelo gado.  
      O site www.wikipedia.org  na enciclopédia livre Wikipédia, define a origem como: ¨Pyrostegia venusta, conhecida popularmente como: flor-de-são-joão, cipó-de-são-joão, cipó-bela-flor, marquesa-de-belas, cipó-pé-de-lagartixa, cipó-de-lagarto, nativa em quase todo Brasil, é uma trepadeira lenhosa, encontrada em beira de estradas, barrancos e cercas. A multiplicação é por meio de estacas ou sementes. Começa a florescer em maio e vai até o mês de setembro, variando em cada estado do Brasil. Possui propriedades medicinais e tóxicas¨.
Matéria de Vítor Eugênio.
Fotos de Vinícius Eugênio.

2 comentários:

  1. Eu não poderia deixar de fazer comentário nessa matéria sobre uma planta que vai me lembrar eternamente,como naquela música,os verdes campos da minha terra.Jamais vou me esqueçer dos campos floridos e da casa da minha avó(Cãinda do Néiz)com a bandeira de São João,São Pedro e Santo Antonio hasteada num bambu e o bambu enfeitado com a "flôr de São João"!Sempre que volto a Ilicínea no meio do ano,época da planta florir,eu fico emocionada.Não sei se é impressão minha,mas essa planta pareçe que está em extinção.Recentemente tirei uma foto na casa do meu irmão lá no Capão Grande com a imagem de Nossa Senhora Aparecida,claro,decorada com essa flôr.Eu trouxe uma muda,mas aqui no meu quintal,em Carapicuiba-SP,ela não brotou.Parabens ao Vinìcius pelas fotos.Obrigado a voce,Vítor,pela matéria

    ResponderExcluir
  2. Olá nobre colega jornalista...
    ótima matéria... um símbolo de nossa cultura...gostaria de saber quais são as propriedades medicinais dessa planta...e também porque não, as tóxicas...
    fraterno abraço...Mateus Torres.'.

    ResponderExcluir